Visitando a Reserva

Trilhas e Atividades

Visitas

A Reserva oferece duas atividades em sua área, em visitas que podem ser agendadas com antecedência através dos telefones (47) 3369-4022  ou na Casa do Turista (47) 3369-5030.

ATENÇÃO: As saídas serão suspensas em condições atmosféricas adversas, de situações que ofereçam risco aos visitantes ou de impacto à qualidade e conservação da trilha.

Observação de Aves

A observação de aves é um dos passatempos que mais tem crescido nos últimos anos. Praticamente inexistente no Brasil até 10 anos atrás, hoje dispõe já de clubes de observadores de pássaros, formados por amantes das aves que optaram por observá-las em seu habitat natural, e não em gaiolas.

Observar aves é diversão para crianças e adultos, e constitui uma atividade educacional em meio à natureza, porque desenvolve o interesse e a capacidade de observação, estimuladas pela procura de aves. Produz satisfação e relaxamento, sem ferir nem capturar as aves, que podem voar livremente.

Caminhando, subindo ou descendo morros na observação, fortalece a resistência física sem esforço, porque a atenção dirigida às aves. A atividade favorece a integração da família, pois, freqüentemente, pais, filhos e parentes próximos mantêm-se unidos por gerações, através deste hábito. Os mais velhos podem incentivar e estimular aos mais jovens a se interessarem pela vida silvestre e pela conservação da natureza e prover-lhes oportunidade de fazerem algo por elas.

 

Observando as aves da Reserva
Somente com reservas antecipadas e para visitantes que pertençam a um clube de observadores de aves.
Se necessário, a Reserva dispõe de binóculos especiais, prancheta de identificação e livros/guias de aves.

Baixe aqui a lista de aves da Reserva.

  • Usar olhos e ouvidos.
  • Caminhar levemente, sem barulho e falar baixo.
  • Se possível, conhecer um pouco sobre as aves da região, ou procurar um guia.
  • Cuidado com tropeços, quedas, batidas em galhos ou contato com espinhos, plantas e animais irritantes ou peçonhentos. Evite acidentes.
  • Binóculos.
  • Roupas: cores sóbrias e chapéu.
  • Caderneta de campo, lápis, borracha.
  • Equipamento fotográfico: de preferência com zoom.
  • Tamanho
  • Aspectos do corpo:
  1. Peito
  2. Asas
  3. Cauda
  4. Estrias, pontos ou manchas, cores
  5. Feitio das penas e bico
  • Aspectos da cabeça:
  1. Topete
  2. Sobrancelhas
  3. Círculos nos olhos
  4. Estrias atrás dos olhos
  5. Íris
  • Em vôo:
  1. Manchas no dorso asas e cauda
  2. Tipo de vôo
  • Tipo de ambiente no momento da observação
  • Comportamento
  • Canto Aspectos
  • Reprodutivos
  • Banho
  • Anilhas

Trilhas na Mata

Com um percurso de 1,2 km, permite aos visitantes percorrer a encosta do morro através da mata, até o Mirante do Portal de onde se observa a Enseada de Porto Belo, Ilha de Porto Belo, Itapema, entrada da Barra de Itajaí, Enseada do Caixa d’Aço e os transatlânticos que porventura estejam fazendo sua parada na cidade. O Mirante da Mata, no centro da área, permite uma visão ampla sobre a área urbana da cidade de Porto Belo. Um guia capacitado acompanha o grupo, divulgando informações e curiosidades sobre a Mata Atlântica, auxiliando a observação com uma prancheta de identificação e binóculos. O percurso demora aproximadamente 2,5h para ser percorrido.

  • Mantenha-se na trilha, mesmo que ela esteja um pouco enlameada. Não utilize atalhos que cortam caminhos, estes favorecem a erosão e destruição das raízes e plantas.
  • Respeite os animais e as plantas.
  • Observe os animais a distância. A proximidade pode ser interpretada como uma ameaça e provocar um ataque, mesmo de pequenos animais. Além disso, animais silvestres podem transmitir doenças graves.
  • Não alimente os animais.
  • Deixe cada coisa em seu lugar. Resista à tentação de levar uma “recordação” para casa: deixe pedras, flores e plantas silvestres onde as encontrou, para que outros possam apreciá-los. Aprecie sua beleza no local, sem agredir a natureza e dando a mesma oportunidade a outros visitantes.
  • Tire somente fotografias, deixe apenas pegadas e leve apenas lembranças!
  • Ande em silêncio, preservando a tranqüilidade e a sensação de harmonia que a natureza favorece. Não grite, cante e deixe rádios e instrumentos sonoros em casa.
  • Respeite os animais e as plantas.
  • Não fume. Além de prejudicar sua saúde, um cigarro mal apagado pode causar incêndios.
  • Colabore com a educação de outros visitantes, transmitindo os princípios de mínimo impacto sempre que houver oportunidade.
  • Disposição, bom humor, curiosidade e sua máquina fotográfica.
  • Recomendamos o uso de um bom calçado e calças compridas.
  • Repelente e protetor solar.

RPPN Morro dos Zimbros

Na Avenida principal da cidade (no sentido Porto Belo – Bombinhas), virar à direita logo depois da Prefeitura Municipal. Ir até o final da rua e subir o morro com estrada de barro.

A entrada da reserva é quase no topo do morro, à esquerda, sinalizada com uma placa.

*Atenção: a estrada é intransitável em caso de muita chuva!!!

Pin It on Pinterest

Share This